Mantenha queijos sempre frescos com essas dicas de armazenamento

Mantenha queijos sempre frescos com essas dicas de armazenamento


Os queijos são um produto apreciado por muitas pessoas ao redor do mundo, não é mesmo? Sua versatilidade permite uso tanto em receitas quanto o consumo na companhia de um bom vinho. E se você é fã, provavelmente possui alguma variação em casa para se deliciar, seja no consumo diário ou para alguma refeição.



Por sua vez, a chegada do calor acende um alerta: é preciso cuidado redobrado na hora de conservar certos alimentos, principalmente os queijos. Afinal, o armazenamento vai muito além do ato de guardar na geladeira. Pensando nisso, o Guia da Cozinha separou algumas dicas especiais para você. Confira:

Aprenda a armazenar queijos com essas dicas

Independente de qual seja o tipo do queijo, vale destacar que armazenar na geladeira é sempre uma das melhores opções: assim eles duram por mais tempo. Ainda assim, vale lembrar que cada as variações de queijos existentes exigem cuidados específicos. Listamos quais são elas abaixo!

Armazenando queijos brancos:

Queijos como ricota, minas, frescal, cottage e muçarela de búfala, contém bastante umidade e só devem ser retirados da geladeira de preferência para consumo imediato. Em seguida, eles devem retornar para refrigeração o mais rápido possível. Por conta de sua umidade, desprendem soro com facilidade o que pode afetar a textura e o sabor do queijo.

Armazenando queijos amarelos:

Para queijos como o gruyére, prato, muçarela, estepe, gouda, a recomendação é manter na embalagem original até o momento do primeiro consumo. Após aberto, envolva a peça ou as fatias em papel filme.

Armazenando queijos de mofo branco:

O brie e o camembert também devem ser mantidos no refrigerador com a temperatura recomendada pelo fabricante. Após o primeiro consumo, o ideal é que eles sejam envolvidos no papel original, porque ele protege e mantém intacta a crosta branca da superfície.

Armazenando queijos de mofo azul:

Roquefort e gorgonzola também devem ser conservados na geladeira antes de consumir. Após abertos, devem ficar envoltos em papel alumínio ou filme e permanecer no refrigerador. Assim também é possível manter a cremosidade do queijo.

Armazenando queijos duros e maturados:

Provolone e parmesão, devem ser mantidos em locais arejados e frescos. Mas em dias de calor podem ser mantidos na geladeira. Para guardar, esses queijos podem ser envoltos em papel filme.

Outras dicas para armazenar queijos

As dicas a seguir são válidas para todos os queijos citados acima. Isso porque, dependendo do recipiente ou até mesmo da temperatura da geladeira, o sabor e a textura acabam sendo alterados. Portanto, se você não quer correr o risco de perder o seu queijo, acompanhe mais dicas a seguir:

Mantenha o queijo em um recipiente fechado

Depois que a embalagem for aberta, é importante colocar o queijo em um pote fechado ou envolvê-lo em um plástico filme para que ele permaneça apto para o consumo por mais tempo. Se guardarmos com a embalagem original aberta na geladeira, o queijo pode ficar ressecado e ainda perder um pouco do sabor inicial.

Queijos diferentes, recipientes diferentes

Essa dica é importante para quem gosta de ter vários em casa. Não guarde os queijos no mesmo recipiente, pois isso provoca uma mistura entre os sabores e prejudica a conservação dos produtos, já que cada queijo possui uma técnica diferente para se conservar

Temperatura da geladeira

A temperatura da geladeira é uma das mais importantes dicas para armazenar queijos. O tipo minas, por exemplo, nunca deve ser colocado na parte mais fria do refrigerador, já que isso pode congelar o queijo.

A técnica é diferente para variações como o prato e muçarela. Ambos podem soltar um líquido dentro do recipiente onde estão localizados. Isso não significa que eles não podem ser consumidos, mas é um sinal de que a temperatura da geladeira está elevada.

Não congele

Com exceção da ricota, o congelamento de queijos não é uma boa alternativa de armazenamento, já que altera a textura do alimento, deixando a experiência de comer o queijo muito menos prazerosa.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original