Diário do Alto Vale | Rede Femininade Ibirama já beneficiou mais de 220 mulheres com exame de Papanicolau

Diário do Alto Vale | Rede Femininade Ibirama já beneficiou mais de 220 mulheres com exame de Papanicolau


Reportagem: Helena Marquardt/DAV

No mês em que se fala tanto sobre a prevenção a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Ibirama divulgou um levantamento que mostra que de março até agora, mais de 220 mulheres já foram beneficiadas com exame de Papanicolau, o chamado preventivo que detecta qualquer alteração e até o câncer de colo de útero em fase inicial.

As coletas são realizas no container toda quinta-feira à tarde por uma enfermeira contratada pela Rede Feminina e não é necessário agendar horário, basta às mulheres interessadas irem até o local das 13h30 às 16h30. A vice-presidente da RFCC, Eva Scheidemantel comenta esse trabalho é muito importante para o município. “Quanto antes algo for detectado, o tratamento pode ser iniciado, o que aumenta as chances de cura”, ressalta.

A bioquímica Cristina Staudinger, que contribuiu com a Rede fazendo palestras sobre a prevenção, revela que além do preventivo que deve ser feito anualmente por todas as mulheres que já tenham iniciado a vida sexual, é preciso estar atendo também a alguns sintomas que podem servir de alerta para o câncer. “Se a mulher tiver dores pélvicas, dores durante a relação sexual, alteração na menstruação, corrimento, sangramentos anormais ou na menopausa, fadiga, náuseas e perda de peso a recomendação é procurar um médico imediatamente porque esses sintomas podem indicar câncer”, disse.

A profissional que um estilo de vida saudável e hábitos simples auxiliam na prevenção de todos os tipos de câncer e garantem para as mulheres mais qualidade de vida.


Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original