Datafolha: Lula lidera corrida presidencial com 45%; Bolsonaro mantém 32%

Datafolha: Lula lidera corrida presidencial com 45%; Bolsonaro mantém 32%


A pouco mais de um mês das eleições, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mantém a liderança na disputa pelo Palácio do Planalto, com vantagem de dois dígitos sobre seus adversários. É o que mostra pesquisa Datafolha, divulgada na noite desta quinta-feira (1º).

Segundo o levantamento, realizado entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro, Lula tem 45% das intenções de voto − uma variação negativa de 2 pontos percentuais em relação ao desempenho registrado duas semanas atrás.

Já o presidente Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, aparece com 32% − mesmo patamar do último levantamento. Os dois movimentos ocorrem dentro da margem de erro máxima prevista, de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

Leia também: Datafolha realiza pesquisas eleitorais presenciais em pontos de fluxo: entenda a metodologia adotada

Na terceira posição da disputa aparece o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 9% das intenções de voto (ante 7%), e a senadora Simone Tebet (MDB), com 5% (ante 2%). Os dois candidatos estão em empate técnico, no limite da margem de erro da pesquisa.

O levantamento mostra a senadora Soraya Thronicke (União Brasil), Pablo Marçal (PROS) e Felipe d’Avila (Novo) com 1% cada um. Vera (PSTU), Sofia Manzano (PCB), Constituinte Eymael (Democracia Cristã), Léo Péricles (UP) e Roberto Jefferson (PTB) não pontuaram.

O último teve sua candidatura barrada nesta quinta-feira (1º) por decisão unânime do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na avaliação dos membros da corte, Roberto Jefferson, condenado no escândalo do “mensalão”, está inelegível até 24 de dezembro de 2023, quando termina o prazo de 8 anos após o cumprimento de pena.

O Datafolha também mostrou que eleitores que manifestaram intenção de votar em branco, anular o voto ou não escolheram nenhum candidato somaram 4% dos entrevistados. Outros 2% integram o grupo dos indecisos.

Considerando apenas votos válidos (ou seja, excluindo votos em branco, nulos e eleitores indecisos), Lula tem 48%, e Bolsonaro aparece com 34%. O quadro indica possibilidade de vitória em primeiro turno, considerando a margem de erro, mas menor do que no levantamento anterior.

Esta foi a primeira pesquisa Datafolha desde o início das campanhas no rádio e na televisão (o que ocorreu em 26 de agosto).

O levantamento também capturou os impactos das sabatinas realizadas pelo Jornal Nacional, da TV Globo, com Bolsonaro, Ciro, Lula e Simone, e do primeiro debate entre os presidenciáveis, organizado em pool pelos veículos Folha de S. Paulo, UOL, Bandeirantes e Cultura no último domingo (28).

Na pesquisa espontânea (quando os nomes dos candidatos não são lidos aos entrevistados), Lula tem 40% (mesmo patamar de pesquisa anterior) e Bolsonaro tem 29% (ante 28%). Já Ciro Gomes aparece com 4% (ante 2%) e Simone Tebet com 2% (ante 1%). Outros nomes somaram 1% (ante 2%). Votos em branco, nulos e eleitores indecisos representam 22% do eleitorado (ante 28%).

O levantamento também testou a posição dos eleitores em eventual disputa de segundo turno entre Lula e Bolsonaro. Neste caso, o petista tem 53% das intenções de voto (ante 54% em 18 de agosto), contra 38% do atual presidente (ante 37%).

O Datafolha ouviu 5.734 pessoas. A margem de erro é de 2 p.p. para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. Isso significa se um mesmo levantamento fosse realizado nas mesmas condições, esta seria a probabilidade de o resultado se repetir dentro da margem máxima de erro.

Clique aqui para entender a metodologia adotada pelo instituto.

A pesquisa foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, e está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código BR-00433/2022.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original